Como eu eliminei 12kg em seis meses

05 maio 2016

Eita que título de post mais sensacionalista, não é mesmo? Hahaha! Ok, me desculpem! Mas é que realmente foi isso que aconteceu e algumas de vocês pediram pra eu explicar melhor sobre tudo isso aqui em post! Esses dias eu gravei um vídeo lá no canal contando e expliquei os motivos do emagrecimento, o que eu penso sobre tudo isso e muito mais. Dá o play!



Ou seja, foram praticamente seis meses de vida nova para emagrecer e, enfim, ficar do jeito que eu queria ficar e me sentia melhor. Eu acho que não dá pra fazer loucuras, aquelas dietas malucas e tudo mais. Por isso combinei aquilo que todo mundo já sabe (exercício + alimentação certa), mas com alguns diferenciais que me estimularam a isso. Até porque, né, eu já sabia que era "só" fazer isso há tempos, mas pra ter a iniciativa de começar uma vida saudável alguns incentivos fizeram muita diferença. Pera, já que falo deles! Antes, o antes x depois. Eu tenho mais fotos, só que estão no meu HD externo, então depois pego lá para atualizar o post. Mas, por enquanto, dá pra ver um pouquinho da diferença por aqui: 
Certo. Nas fotos acima (não gosto naaada dessa primeira, vish, deu o que ver pra eu decidir colocar ela aqui hahaha... mas dá pra ver bem como é que eu estava!) deu pra ver diferença, né? Rs. Enfim! Sei que falei no vídeo, mas vou listar as atitudes que realmente fizeram diferença pra mim. \o/

ALIMENTAÇÃO

Antes de falar que diminui porções, reduzi fritos por assados e esse tipo de coisa que todo mundo já tá careca de saber, vale a pena citar que eu comecei a seguir a Yasmim Brunet e a nutricionista ela, Luna, no Snapchat. As duas são veganas então já dá pra imaginar que falam bastante de alimentação saudável em todos os sentidos, né? Eu não sou vegana muito menos vegetariana (embora queira ser, confesso que ainda não tenho a força de vontade suficiente pra tanto) mas elas indicam tantos documentários, livros, filmes e falam tanto sobre fugir do industrializado, sobre comida "de verdade", que comecei a realmente enxergar a comida com outros olhos. Sério, não sei explicar, mas se você começar a se interessar pelo assunto, irá entender. Acompanhar a Bela Gil também fez uma baita diferença. Gosto bastante (mesmo!) do que ela fala. Nunca cheguei a fazer nenhuma receita dela, mas curto assistir o programa pra pegar algumas dicas de trocas inteligentes, saber mais sobre a filosofia dela quanto à comida e tudo mais.

Antes, cortar refrigerante naquele almoço de domingo, pra mim, era uma dificuldade tremenda. Eu cortava mas sofria com vontade. Hoje, eu corto e já sei de tudo que tá por trás daqueles ingredientes, sabe? Então eu sei, assim, com toda a minha consciência, do bem que eu tô fazendo por mim. Hoje em dia eu evito muuuitos industrializados, nem suco de caixinha eu tomo (sim, vou de água o dia inteiro!) e fico feliz com isso, de verdade. Sei do bem que tô fazendo por mim mesma. 

Outra coisa que eu cortei foi o leite, depois de ver alguns vídeos que me impactaram bastante. Antes, eu tomava leite com achocolatado religiosamente todos os dias, agora só café, água de coco ou suco natural. Certo. Alguns derivados do leite permaneceram, como o requeijão, que foi uma coisa que não aboli totalmente da minha rotina, e o queijo, que de final de semana aparece também. Mas acho que já é um passo e, enfim, aos poucos eu vou me informando mais até, quem sabe, cortar de vez, né?

Outro: o pão eu também cortei. Sério! Eu sei que precisamos do carboidrato e tal, mas eu enchergo todo aquele miolo, ou até mesmo a farinha presente nas torradinhas e biscoitos como um tipo de caloria vazia. Compro uma tapioca caseira e gosto bastante. Sei que ela também tem um indice glicêmico alto e tralalá, mas ela consegue fazer o papel de "pão" perfeitamente bem, me satisfaz, é boa e eu me sinto mais leve. Sei lá. Ninguém falou pra eu fazer assim. Só preferi fazer. Pega um pão de forma e vê a quantidade de ingredientes presentes ali. Agora, pega a tapioca que a moça da feira faz. rs. Pensei nisso e só! Fiz.

Sei que esses "cortes" parecem bem radicais, mas eu li e estudei bastante pra fazer isso. Dessa forma fui mudando minha rotina alimentar e, eu sei, ainda tenho que passar num nutri (sim, tenho consciencia de que é importantíssimo!) pra fazer alguns ajustes e fazer algumas outras trocas inteligentes. Tipo, ovo, por exemplo, eu sei que tô comendo pouco, sabe? Por isso preciso de uma ajuda pra ajustar tudo isso e assumo. Mas sei que nada nesse mundo vai me fazer voltar a comer pão e queijo da forma como eu consumia antes. A minha filosofia continua a mesma! rs Aliás, acredito que não foram os cortes que me fizeram emagrecer. Eles apenas estão aqui como exemplos de que comecei a pensar na comida "de verdade" e mudar meu estilo de encarar a alimentação. Ou seja, se você também quer emagrecer, não é pra sair cortando tudo! Isso é bem arriscado porque você pode acabar com várias carências importantes. Eu só tô contando essa parte pra exemplificar melhor mesmo.

E ah, sim, vez em quando me permito algumas besteiras. Mas é "vez em quando" mesmo, porque não sinto mais a mesma vontade de antes. Até porque, antes, eu pensava em fazer esse "vez em quando" todo final de semana. Dai não era raridade, já era outra rotina mesmo, né? 

EXERCÍCIO

Assim como eu falei no vídeo, já fiz algumas atividades como Muay Thai e amaaava fazer, mas acabei ficando sem ter como ir e deixei de lado. Hoje, mesmo arrumando um jeito, eu acho que o fato de deixar tanto tempo no caminho me desestimularia tremendamente. Por isso, resolvi dar um jeito de fazer exercício em casa.

Comprei uma bicicleta ergométrica e não rolou. Ela era toda dura (sei que tem outras melhores, mas né, migos, bem mais caras!) e eu tinha que focar muito no que eu tava fazendo e não conseguia assistir uma série ou filme tranquilamente. Tinha que ter mais concentração. Resultado? Acabei vendendo.

Aí parti pros vídeos do YouTube ou até mesmo aquela série de DVDs da Jillian. Tava achando lindo, incrível, embora tivesse medos do tipo "será que minha postura tá certa?" que começaram a me deixar com um pouco de medo. Depois, comecei a enjoar. Todo santo dia o mesmo vídeo, gente? rs. A gente já sabe as falas de cor, fica bem chato mesmo... deixei de lado.

Aí minha irmã comprou o Mini Stepper. Como eu expliquei no vídeo, ela comprou um pra mim e foi mágico! Sério. Eu simplesmente coloco o tênis, me alongo, coloco play no Netflix e, quando eu vejo, o tempo já passou e eu tô terminando toda suada. Assim, como se eu tivesse passado o episódio inteiro da minha série preferida deitada no sofá assistindo, só que não. Hahaha. Eu usei aquele tempo que eu queria usar (porque, né, uma pausa na rotina pra poder ver uma série leva tempo, se eu realmente não precisasse, talvez colocaria outras tarefas mais importantes acima disso e deixaria a série só para o fds - meu tempo é apertado!) e ao mesmo tempo, me exercitei. Foi realmente a melhor coisa da vida! Algumas amigas, que viram, que isso realmente funcionou pra mim, compraram o Mini Stepper também e começaram assim como eu. Se quiser ver mais infos sobre ele é só clicar aqui. Aliás, Domyos, se quiserem me patrocinar, estamos aí, viu... hahahaha xD

Ajudou também o fato de fazer um calendário no meu quarto e riscar um "x" por dia me incentivava mais e mais. Aliás, faço isso até hoje! \o/ E é isso. Lembrando que eu não sou profissional no assunto, tá? Então tudo isso aqui é só a minha EXPERIÊNCIA PESSOAL. :) Se você tiver buscando emagrecimento também, procure profissionais capacitados. Eles irão te ajudar muito mais nisso! 

Resumindo tudo, eu acho que a minha experiência é valida por dois pontos: a dica do aparelho e o fato de começar a ver documentários e etc sobre alimentação "de verdade". E é isso \o/ Bom, vocês pediram o post, e aqui está! Querem conversar mais sobre o assunto? É só comentar!

comentários pelo facebook:

13 comentários:

  1. Arrasou, já era linda!
    ficou mais ainda@
    beijos
    http://www.tatycamposblog.com/

    ResponderExcluir
  2. Você é muito, muito bonita, e eu amo a sua cor de batom

    Ghita

    ResponderExcluir
  3. O que é mais importante é a força de vontade, Au. E mesmo que seja difícil levantar da cama e tomar um rumo que melhore sua alimentação e sua saúde, olha você conseguiu. E foi muito legal ver que você criou sua própria dieta e não foi exagerada como muita gente acha que tem que ser! Eu preciso fazer uma revisão de todos os alimentos que eu como pra começar a eliminar também pra melhorar minha saúde porque eu vivo adoecendo e passando mal do estômago e não tomo providências. Enfim, amei o post!!!! E você sempre foi linda viu? Um beijão!

    Próxima Primavera

    ResponderExcluir
  4. Ahnn! Eu tinha visto esse aparelho para comprar, mas acabei desistindo porque ainda não tinha visto ninguém falar (das pessoas que acompanho) e também porque tive experiências péssimas com a bicicleta e a cama elástica que eu tinha em casa, ou seja, morria de preguiça de fazer. A única coisa que realmente utilizo é a esteira, mas enjoa fazer todo dia. Vou dar uma olhada melhor do mini stepper!
    E parabéns pela sua dedicação, já era linda antes e agora também, o importante é se sentir bem consigo mesma e ter uma alimentação saudável que é o que você está fazendo <3.

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

    ResponderExcluir
  5. linda, linda <3
    Me inspirou <3

    http://www.blahoestraich.com.br

    ResponderExcluir
  6. O que achei mais maravihoso é que você fez com calma, aos poucos e está linda!
    Eu sofro desses mesmos problemas de "ai, tenho que arrumar para a academia, sério?". Morro de preguiça!! Acho que vou investir no aparelhinho! hahahha

    =*
    Mani Piñeiro
    @Blog_ManiPineiro

    ResponderExcluir
  7. Au, que post de utilidade pública. Amei messssmo! Eu estou fazendo Nutrição e já no primeiro semestre a gente aprende MUITA coisa. Por isso, posso dizer com propriedade que você fez a coisa certa. Sim, é muito importante passar em um nutricionista para que ele(a) indique a melhor alimentação (afinal essa coisa de dieta pronta é baboseira, cada corpo reage de uma forma diferente, portanto precisa de focos diferentes), mas você investiu em mudança de hábitos alimentares e exercício, então está de parabéns. O melhor de tudo é que: você emagreceu de verdade! Tem gente que segue certas dietas, emagrece (e muito!), mas quando para volta para o mesmo peso, ou um peso maior, e com a saúde muito prejudicada. Mas quando a pessoa faz as mudanças que você fez, ela não volta facilmente para o corpo de antes e a saúde melhora muuuito.
    Ultimamente eu estou sentindo muita vontade de entrar nessa de emagrecer e melhorar a saúde, porque: 1) eu também tenho 1m e 54cm, então tem horas que eu sinto meu corpo pesado, cansado, e sei que isso é reflexão dos meus péssimos hábitos alimentares. 2) eu gosto de ser bem "enxutinha". Tenho uma amiga que também tem essa altura e ela ama ter uma "carne para apertar" como o povo diz por aqui, haha. Mas eu não gosto, eu gosto de ser magra mesmo. Me sinto muito melhor assim e não porque alguém diz que tem que ser assim, mas porque eu mesma prefiro. Eu sei que quando emagreço perco bunda, peito e blá blá blá, mas é assim que eu prefiro.
    Enfim, depois dessa aprovação and desabafo, vou me motivar ainda mais para alcançar meus objetivos. Obrigada pela inspiração. <3
    Mil abraços, Lysia Ribeiro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu pensei que cê tava fazendo jornalismo! :O Menina, vou te atormentar muito perguntando de coisas de nutrição, BJS HIUAHSUASHA
      obs: também prefiro ser assim como cê disse!

      Excluir
    2. Nãooo! Eu queria estar em P&P, na verdade, mas não deu. :( Aí acabei caindo em Nutrição e tô amandoooo.
      Poooode perguntar, haha. Vou adorar responder. BEIJOOOOS! :*
      (Vim aqui pegar o link do post para colocar em um post do meu blog e tô aproveitando para responder, hahahaha)

      Excluir
  8. Au, parabéns por toda essa força de vontade viu! Estou procurando um estilo de vida mais saudável, mas é muuuito difícil, pois eu tenho certa resistência a comer certo. Nem sou super chata com exercício (jump ♥), mas me mudei recentemente e tenho que procurar uma academia nova e tudo mais... Enfim, não conhecia esse mini stepper, adorei! Vou juntar dinheirinhos para comprar :D
    Obrigada por compartilhar sua história, você já virou um exemplo pra mim!

    Um beijo! ♥
    www.daniquedisse.com.br

    ResponderExcluir
  9. Concordo com muito do que você disse! Eu era de comer bastante besteira até a hora que parecia que meu corpo estava pedindo por uma alimentação mais saudável e assim começaram as mudanças. Reduzi refrigerante, açúcar e frituras, me tornei vegetariana e isso tudo fez uma diferença bem considerável. Acredito que nosso corpo sabe o que é alimento de verdade, isso torna tudo mais fácil!
    Você está linda!
    Beijo

    ResponderExcluir
  10. Seu batom parece legal e você é tão lindo também
    hebeos

    ResponderExcluir